Revista científica internacional destaca gestão do Regional do Baixo Amazonas


Publicação dá projeção ao trabalho da unidade no cuidado e segurança do paciente oncológico

[22/07/2022] O Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA) demonstrou mais uma vez sua excelência em gestão em saúde. A unidade de saúde pública do Governo do Pará teve seu trabalho sobre “estratégias de gestão para promoção do cuidado centrado no paciente oncológico” publicado na revista internacional Europub Journal of Health Research, edição Maio/Agosto de 2022.

Confira a publicação aqui (https://europubpublications.com/ojs/index.php/ejhr/article/view/76/127)

Atendendo a uma população estimada em mais de 1,4 milhão de pessoas, residentes em 30 municípios, o HRBA é um dos hospitais de referência na região Norte para o tratamento de pessoas com câncer, sendo habilitado pelo Ministério da Saúde como uma Unidade de Alta Complexidade em Oncologia (Unacon).

Gerenciado pela entidade filantrópica Pró-Saúde, o hospital apresentou na publicação os resultados dos processos executados no setor de oncologia, os quais vem fortalecendo continuamente a promoção da segurança do paciente.

“Evidenciamos que as ferramentas de qualidade utilizadas no hospital durante o cuidado prestado, têm agregado valor ao paciente”, enfatiza a gerente do Núcleo de Qualidade e Segurança do Paciente do HRBA, Deusilene Pontes.

A profissional destaca o uso de metodologias, como o PDSA, que impulsiona a melhoria contínua. “Ele tem nos ajudado a entender uma atividade, identificar oportunidades de melhorias e propor testes de mudanças, permitindo aperfeiçoar um processo e até fazer com que este seja executado no mais alto nível de excelência e segurança”, explica.

A publicação na revista também apresenta outros métodos, como reunião de segurança, quadro de aprendizagem e rondas da alta liderança no setor.

São iniciativas que contribuíram na identificação das oportunidades de melhoria, transparência dos processos, engajamento da equipe e o apoio da alta gestão na promoção da segurança do paciente.

“A qualidade na assistência através de processos estruturados, corpo clínico capacitado, barreiras de mitigação de riscos e envolvimento da alta liderança são imprescindíveis para desfechos exitosos na área da saúde”, reforça a médica da Qualidade no HRBA, Kalysta Borges.

Para a especialista, a segurança da equipe assistencial tanto com a participação proativa da diretoria clínica/técnica e administrativa quanto com cultura justa e processos assistenciais efetivos “resultam em satisfação holística: colaboradores e usuários”, complementa.

Pesquisa aplicada com 100% dos colaboradores apontou que 92% dos profissionais avaliam positivamente o aprendizado organizacional e 91% consideram que o hospital contribui para uma assistência de qualidade e segura aos pacientes.

“O envolvimento da alta liderança no engajamento das equipes multiprofissionais tem sido uma estratégia que fortalece a cultura de segurança no hospital. Nossas ações e planejamento são voltados para a melhoria contínua dos processos assistenciais, o que consequentemente, favorece os nossos usuários, que recebem atendimento de qualidade, resolutivo e seguro”, destaca o diretor Hospitalar, Hebert Moreschi.

Em 2021 o Hospital Regional do Baixo Amazonas realizou cerca de 19,6 mil consultas oncológicas, 1,1 mil cirurgias oncológicas, 12,4 mil sessões de quimioterapia e mais de 38,7 mil sessões de radioterapia.

No mesmo ano conquistou 1º lugar no 4º Seminário Internacional de Segurança do Paciente e Acreditação em Saúde.

Em 2022, o Regional de Santarém renovou a certificação ONA 3 Acreditado com Excelência e segue entre os melhores hospitais públicos do país, reconhecidos pela qualidade assistencial e segurança destinada aos pacientes.

A qualidade no atendimento é corroborada pelos usuários, por meio da pesquisa de satisfação da unidade, que no ano passado, alcançou um índice geral de 98,8% de aprovação.