Diretor Hospitalar do Baixo Amazonas recebe a medalha Pe. João Felipe Bettendorf em Santarém

Nesta segunda-feira, 21, o diretor Hospitalar da Pró-Saúde, Hebert Moreschi, foi um dos homenageados durante a cerimônia em comemoração aos 360 anos do município de Santarém, no oeste do Pará.

Durante o evento, realizado na Casa de Cultura da cidade, o diretor, com atuação no Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA), recebeu a medalha Pe. João Felipe Bettendorf. A condecoração é considerada a principal comenda municipal.

Aos 46 anos, e com 25 de carreira na gestão em saúde, Moreschi foi um dos seis homenageados durante a cerimônia. A medalha é entregue às personalidades que se destacaram em seus campos de atividades no município ou que tenham prestado relevantes serviços para o desenvolvimento de Santarém.

Pelo segundo ano consecutivo, a solenidade não foi aberta ao público, devido à pandemia, sendo transmitida pelas redes sociais da Prefeitura. Indicado pelo prefeito Nélio Aguiar para receber a comenda, o diretor Moreschi agradeceu o reconhecimento.

“Contribuir com a gestão de um hospital no interior da Amazônia, colaborar para que o HRBA se tornasse referência em atendimento na região do Baixo Amazonas e, principalmente, poder ajudar a levar assistência de qualidade, resolutiva e humanizada à população é o que me motiva a continuar”, disse.

Além de Moreschi, foram homenageados o atleta Isaac da Silva Lima; a atriz, cantora e compositora Jana Figarella; o ex-prefeito de Santarém e ex-deputado federal Joaquim de Lira Maia; a professora Marlice Maria Bastos da Cunha; e o empresário Walter Andrade Nunes Durães.

Gestão em saúde

Natural de Nova Venécia, no Espírito Santo, Moreschi atuou em diferentes frentes na área da saúde como assessor administrativo, superintendente, gerente, diretor Hospitalar de outras unidades de saúde no Brasil e, também, na Angola, no sul da África, além da participação como voluntário na Cruz Vermelha.

No Hospital Regional do Baixo Amazonas, unidade que pertence ao Governo do Pará, sendo gerenciada desde 2008 pela entidade filantrópica Pró-Saúde, Moreschi atua como diretor Hospitalar há 11 anos.

“Quando cheguei aqui, havia um cenário muito desafiador. Existia grande anseio da comunidade para que o hospital se tornasse uma referência na região, sem a necessidade de transferência de pacientes da cidade para outros municípios e estados. É exatamente o que temos hoje. O HRBA se tornou referência no Norte do Brasil”, afirma Moreschi.

O HRBA é referência para uma população estimada em mais de 1,3 milhão de pessoas, residentes em 30 municípios da região. A unidade é reconhecida como um dos melhores hospitais públicos do Brasil, sendo certificado com a ONA 3 Acreditado com Excelência, concedido pela Organização Nacional de Acreditação (ONA).

A unidade presta atendimento 100% gratuito pelo SUS (Sistema Único de Saúde) nas especialidades de oncologia, ortopedia, terapia renal substutiva, além de referência em casos graves da Covid-19, desde março de 2020.

“Essa medalha não é apenas para o diretor do HRBA, mas sim para toda a equipe de nossa unidade que, alinhada às diretrizes do Governo do Estado e da Pró-Saúde, vem desempenhando um papel fundamental da descentralização da alta complexidade no Estado, e se tornou ainda mais importante como uma estrutura chave no enfrentamento da pandemia em nossa Região”, conclui Moreschi.