Eleito um dos melhores do Brasil, Hospital Regional do Baixo Amazonas é referência em administração hospitalar

(14/07/2020) – Reconhecido como um dos dez melhores hospitais públicos do Brasil e habilitado com a mais alta certificação nacional, ONA 3 – Acreditado com Excelência, concedido pela Organização Nacional de Acreditação (ONA), o Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA), gerenciado pela Pró-Saúde em Santarém, avança em qualidade assistencial. Essas conquistas são fruto de uma gestão em saúde focada em melhorar as condições de vida das pessoas.

Neste dia 14/7, quando celebramos o Dia do Administrador Hospitalar, o HRBA, unidade pertencente ao Governo do Pará e referência para uma população estimada em mais de 1,3 milhão de pessoas, residentes em 30 municípios do oeste do Pará, Baixo Amazonas e Xingu, tem muito a comemorar.

Com 25 anos de carreira na gestão em saúde, há 10 atuando no HRBA como diretor Geral, o administrador hospitalar da Pró-Saúde, Hebert Moreschi, destaca a experiência que é contribuir com a gestão de um hospital no interior da Amazônia. “Quando cheguei aqui em 2010, havia um cenário muito desafiador. Existia grande anseio da comunidade para que o hospital desse resposta imediata, que no caso seria a não necessidade de transferência de pacientes para as capitais Belém e Manaus. É exatamente o que temos hoje. O HRBA se tornou referência em gestão e atendimentos em toda a região Norte, com uma assistência de qualidade, recebendo pacientes inclusive de outros Estados”, afirma.

Para chegar ao nível de excelência, o hospital passou por uma crescente e constante evolução, que teve início em maio de 2008, quando a Pró-Saúde assumiu a gestão da unidade. O processo de acreditação do HRBA teve início em 2012, quando conquistou a certificação da Organização Nacional de Acreditação (ONA), Nível I – Acreditado. Em outubro de 2013, apresentou um significativo crescimento e evolução de serviços, conquistando a ONA II – Acreditado Pleno e, em 2015, conseguiu o ONA III – Acreditado com Excelência. O HRBA foi o primeiro hospital público da região Norte a obter a certificação, que assegura o padrão de segurança e qualidade no atendimento aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS),

A gestão do HRBA é focada na garantia da eficiência assistencial ao usuário. A consolidação da cultura de sustentabilidade, fortalecimento da atuação filantrópica da entidade e da gestão de resultados, fazem parte dos valores e indicadores definidos no Planejamento Estratégico. Entre as premissas da gestão da unidade estão: Comunicação Clara e Eficaz; Sustentabilidade (Ambiental, Social e Econômica); Humanização; Senso de Responsabilidade e Ética; Qualidade e Segurança; Pertencimento; e Integridade.

“A assistência segura ao paciente é o nosso fator primordial. Cada um que trabalha aqui sabe de sua importância para sociedade. Mais que um compromisso com a população, é um compromisso com a vida. Isso fez com que alcançamos níveis de reconhecimento nacional, por meio de um processo de administração hospitalar muito bem consolidado, que leva à sociedade um resultado extremamente valioso”, reafirmou o diretor Hospitalar.

Ensino e pesquisa

Além de promover assistência, o Hospital Regional do Baixo Amazonas é referência no estudo e tem buscado fortalecer o ramo de pesquisas. Em fevereiro de 2019, o HRBA inaugurou o Centro de Estudos e Pesquisas (CEP). O complexo, que conta com laboratórios, espaço para avaliação física e salas de aula e de reunião, é o primeiro centro a funcionar dentro de um hospital na Amazônia. O objetivo é oferecer uma formação mais completa aos novos profissionais e, também, desenvolver estudos na região, que proporcionem melhor qualidade de vida à população. Desde 2014, o HRBA é certificado como Hospital Ensino.

Até março de 2020, 83 residentes médicos se formaram através dos Programas de Residências Médicas oferecidas no HRBA. Nas Residências Multiprofissionais, o número de formados até março deste ano foi de 62 profissionais. O hospital também é campo de estágio curricular para 14 áreas de graduação e três áreas de cursos técnicos federais, com atendimento a uma média de 300 estudantes por mês.

Outros prêmios

O HRBA conquistou o 1º lugar em 2014, com o melhor projeto de gestão, e 2º lugar em 2016, do Prêmio da Federação Brasileira de Administradores Hospitalares; ganhou o Prêmio Amigo do Meio Ambiente nos anos de 2013, 2016, 2018 e 2019; conquistou o Prêmio de Líderes da Saúde – 1º lugar na categoria Instituição do Ano – Saúde Pública (2016); foi um dos dois primeiros hospitais públicos do Brasil a obter o selo “Materiality Disclosures”, emitido pela Global Reporting Initiative (GRI).

De maio de 2008 a junho de 2020, o Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA), em Santarém, ultrapassou a marca de 8,7 milhões de atendimentos, conquistando, no ano passado, 99% de aprovação dos usuários.

Sobre a Pró-Saúde

A Pró-Saúde é uma entidade filantrópica que realiza a gestão de serviços de saúde e administração hospitalar há mais de 50 anos. Seu trabalho de inteligência visa a promoção da qualidade, humanização e sustentabilidade. Com 16 mil colaboradores e mais de 1 milhão de pacientes atendidos por mês, é uma das maiores do mercado em que atua no Brasil. Atualmente realiza a gestão de unidades de saúde presentes em 23 cidades de 12 Estados brasileiros — a maioria no âmbito do SUS (Sistema Único de Saúde). Atua amparada por seus princípios organizacionais, governança corporativa, política de integridade e valores cristãos.

A criação da Pró-Saúde fez parte de um movimento que estava à frente de seu tempo: a profissionalização da ação beneficente na saúde, um passo necessário para a melhoria da qualidade do atendimento aos pacientes que não podiam pagar pelo serviço. O padre Niversindo Antônio Cherubin, defensor da gestão profissional da saúde e também pioneiro na criação de cursos de Administração Hospitalar no País, foi o primeiro presidente da instituição.